sexta-feira, 5 de junho de 2015

um prédio azul

as varandas secas
de gente

roupa estendida
um cão ladra

a quê
homem velho fuma

nuvens cinzentas
chove

alguma roupa sai dos estendais
o cão cala-se

janela aberta
uma televisão lá dentro canta

chove
um prédio azulado

Sem comentários:

Enviar um comentário